Caramuru, Escola Municipal

Localização
Endereço: Travessa Rodolpho Rosenau, 157
Bairro: CABRAL
Cep: 82200-340
Regional: Matriz
Atendimento: Manhã e tarde
Contato
Diretor (a): Soraya do Rocio Teixeira Luiz Kleina
Vice - Diretor (a): Karla Regina Jazar Weibel Pereira
Telefone: (41)3352-1678
E-mail: emcaramuru@sme.curitiba.pr.gov.br

Projetos e Programas - Caramuru, Escola Municipal

1° Projeto: Projeto de Leitura

Responsável pelo projeto: Equipe de professoras do 1º ao 5º ano

Objetivo: Estimular o hábito e a formação de novos leitores.

 

2º Projeto: Partilhas literárias

Responsável pelo projeto: Equipe de professoras do 1º ao 5º ano

Objetivo:: Opoutunizar práticas de oralidade; bem como valortizar a formação e ampliação do protagonismo estudantil.

 

3º Projeto: Apoio pedagógico

Responsável pelo projeto equipe pedagógica, professora Paula de C. Demário e Eliane P. Carvalho

Público alvo: Alunos do 1º ao 5º ano

Objetivo: Favorecer a apropriação dos conhecimentos envolvidos, a partir de estratégias diversificadas.

 

4º Projeto: Direitos Humanos em Educação"

Responsável pelo projeto: Paula de C. Demário e Norma Kruk Formaggio

Proponente: SME

Público alvo: Alunos do 1º ao 5º ano

Objetivo: Sensibilizar quanto à necessidade do respeito às diversidades existentes e presentes nas relações sociais.

 

5º Nome: Extra,extra

Responsável pelo projeto:  Professora Andrea Claudia Volpato Maurer

Público alvo: Alunos do 5º ano

Objetivo: Estimular a produção textual e o uso de mídias.

 

6° projeto: BULLYNG NÃO É BRINCADEIRA

Responsável pelo projeto:  Professoras Andrea Claudia Volpato Maurer, Luciana I F. N. de Lima, Luci Ezilda e Sandra Mara Elias.

Público alvo: Alunos do 1º ao 5º ano

Objetivo: Conscientizar os alunos quanto à importancia de uma cultura de paz e respeito às diferenças humanas existentes na sociedade.

 

7º Projeto: ABRACE/ REDE DE PROTEÇÃO/ FICA

Responsável pelo projeto: Equipe Escolar

Público alvo: Alunos do 1º ao 5º ano

Objetivo: Criar mecanismos de acompanhamento da frequência escolar e, consequentemente, desenvolver ações para o cumprimento do legislado pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB) e pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), no que concerne à notificação ao Conselho Tutelar de reiteradas faltas injustificadas de estudantes.